folha-de-coqueiros-logo

Lançado o livro sobre a história do “Parque de Coqueiros: uma ideia de cidadania”.  

Para quem não conhece a história do Parque de Coqueiros, está aí uma boa oportunidade. Acaba de ser finalizado o livro, em formato digital, sobre a implementação da área de lazer. Erguido há mais de duas décadas, o Parque completa – ano que vem – 25 anos e, ao longo desse tempo, construiu uma trajetória de sucesso e de conquistas.

Com 260 páginas, o livro leva a assinatura dos pioneiros Hamilton Schaefer e Serlene Wolff, dupla de moradores do bairro que deu início à proposta de transformar o conhecido Saco da Lama, até então usado como depósito de lixo, numa bela área de lazer. A partir daí, a comunidade vestiu a camisa e se envolveu em torno da sua construção. O resultado não poderia ser outro: a cidade ganhou um espaço arborizado, com equipamentos para atividades físicas como a pista de caminhada, a ciclovia e tantos outros recantos para o entretenimento, para o descanso e contemplação da natureza.

Tudo isso, graças à contribuição na conta de luz de mais de 1000 moradores, além de investimento e apoio de empresas públicas e privadas. Todos deixaram o seu nome registrado na história do Parque de Coqueiros.

Até 2006, o Parque foi administrado pela Sociedade Amigos de Coqueiros. Mas, a partir daí, passou a ser mantido pela prefeitura e, desde então, enfrenta desafios e contestação da comunidade a cada reforma. A última, por exemplo, que ainda não foi concluída, está modificando sua característica original que nada mais é do que a preservação dos seus espaços verdes.

Engenheiro Hamilton Schaefer, Elaine Otto e Serlene Wolff visitam o secretário Guilherme Pereira, do Continente, para mostrar a história da construção do Parque e pedir ao gestor público a manutenção dos espaços verdes.

Grupo de WhatsApp

Agora a Folha de Coqueiros tem um Grupo Exclusivo e Fechado de WhatsApp! Se você quer ter acesso às notícias de Coqueiros e Região, clique no botão abaixo e fique por dentro dos acontecimentos do bairro!