Busca por estabelecimento:

 

Últimas Notícias

GERAL

 

Prédio da Avenida Almirante Tamandaré recebe limpeza geral

16 JUN 2021


Ação levou três semanas para ser concluída e retirou 35 caçambas de entulhos.

Depois de mostrar a mobilização da comunidade que transformou terrenos abandonados em praças, hortas e jardins, a Folha de Coqueiros mostra, agora, o movimento de moradores em torno de uma obra que não foi concluída na Avenida Almirante Tamandaré, em Coqueiros.

Há anos servindo de abrigo para moradores em situação de rua e usuários de droga, o prédio, de propriedade da Construtora BJS, e a área ao redor sofreram uma limpeza geral promovida pela Secretaria do Continente.

“Foram tirados 35 caminhões de lixo, barro, mato e levados à Comcap para o destino correto. Como é uma área privada, notificamos o proprietário por várias vezes, mas sem resultado. Então, tivemos que executar o serviço, pois os detritos estavam ameaçando a saúde pública com a proliferação de roedores e insetos”, disse o superintendente da Região Continental, Rodrigo Cássio.

Além disso foram retiradas quatro caixas de agua inservíveis que acumulavam água parada e também serviam de abrigo para os ocupantes do local. Segundo Cássio, o valor do trabalho será lançado na inscrição imobiliária do proprietário. E enquanto não for resolvida a destinação do local, a Secretaria vai manter o lugar limpo para atender o grande número de pessoas que mora em apartamentos nas redondezas.

Esta não é a primeira vez que o local recebe limpeza. Além das várias intervenções da Força-Tarefa DOA (Defesa, Orientação e Apoio a Pessoas em Situação de Rua), que envolve Polícia Militar, Prefeitura e Ministério Público, ainda no ano passado a Secretaria do Continente interditou o local para evitar invasões. Mesmo assim, os moradores de rua escalaram o prédio, e também se acomodaram nas caixas d’água distribuídas no terreno.

O QUE DIZEM OS MORADORES

Atuando na linha de frente do problema que já dura vários anos, inclusive com ocorrência de incêndios no prédio, síndicos de três condomínios do entorno- Orlando Silvio Damiani, Maranata e Long Beach- afirmam que a limpeza feita no início do mês e que durou três semanas foi completa. “Nunca tinham feito uma limpeza semelhante. Dessa forma foi possível remover muitos vetores de doenças dada a enorme presença de focos de mosquitos e de roedores no local”, relatou o morador do Condomínio Orlando Damiani, Rafael Frainer.

“Com essa ação houve uma sensível melhora na qualidade de vida dos moradores que agradecem a pronta resposta de Secretaria do Continente, especialmente à figura do superintendente Rodrigo Cássio que acompanhou, diariamente, os trabalhos, bem como a disponibilidade para avançar na ação demolitória 1515/2020 numa solução definitiva para o local”, aponta Rafael.

 

 


Fotos