Busca por estabelecimento:

Últimas Notícias

GERAL

 

Prefeito divulga locais de vacinação para idosos no dia 30

24 MAR 2020


Em Live no Facebook na tarde desta terça-feira, dia 24, o prefeito Gean Loureiro e o secretário de Saúde, Carlos Alberto Justo da Silva, anunciaram novas medidas de saúde pública, sociais e econômicas a serem implantadas no enfrentamento do novo Coronavírus (Covid-19). No que diz respeito à vacinação dos idosos, foi divulgado o início da vacinação nesta terça-feira de quem tem 80 anos ou mais, bem como dos que têm dificuldades de locomoção, nas próprias residências, além dos profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate à pandemia.

Quanto às pessoas com 60 anos ou mais a vacinação acontecerá a partir do dia 30. O secretário de Saúde informou que nas unidades de saúde serão atendidos apenas quem tiver com sintomas respiratórios, caso contrário, eles receberão a vacina nos colégios a serem definidos ou nos Drive Thru que vão ser instalados:

*no terminal de ônibus inativo do Jardim Atlântico, e na Beira-Mar Continental (próximo das quadras de esportes), no Continente;
*e em frente ao bar do Koxixo’s, na Beira-Mar Norte; no terminal de ônibus desativado do Saco dos Limões, e junto à Política Militar Rodoviária na SC-401, na Ilha.

Na ocasião, os motoristas deverão conduzir somente o idoso, no banco detrás, sendo que caberá apenas ao condutor sair do veículo para efetuar o cadastro do idoso. Além destes locais, novos pontos serão divulgados ao longo da semana.

Além do que, a prefeitura comunicou que os 34 enfermeiros e médicos selecionados através de concurso já escolheram seus locais de trabalho, de maneira a reforçar as equipes de saúde, e que está avaliando a possibilidade de renovação de pessoal contratado e de contratação de novos profissionais com este vínculo empregatício. Nesta terça-feira foi feita a escolha de vagas e os novos concursados começarão a trabalhar imediatamente. Apenas os profissionais de saúde de outras cidades devem chegar em Florianópolis nos próximos dias para assumir a vaga.

Outra novidade anunciada é a de que técnicos da área, que se disponibilizem a fazer a vacinação em asilos, vão ministrar as vacinações nestes locais, assim como poderão fazer nos prédios em que residem com relação aos vizinhos, em ambas as situações, recebendo as vacinas e todo o equipamento de proteção individual necessário. Para esse recebimento será preciso entrar em contato com a Vigilância Epidemiológica.

Assistência Social
A prefeitura também divulgou que fará monitoramento das pessoas em situação de rua que estão com sintomas de Covid-19 para que façam a devida quarentena isolados em hotel cedido à administração municipal – o poder público vai arcar com as despesas referentes às refeições e aos serviços de limpeza. Essa análise das condições de saúde será conduzida por profissionais de saúde dos consultórios de rua sob orientação da Vigilância Epidemiológica. Os demais indivíduos atendidos pela prefeitura continuarão recebendo três refeições, orientações para banho e questões de saúde, roupas e corte de cabelo. A medida será para separar os possíveis casos das pessoas saudáveis, resguardando a saúde dos profissionais, servidores, voluntários e coletivos da sociedade civil que estão atuando no espaço.

Continuam sendo feitas tratativas para o estabelecimento do Cartão-Alimentação, a fim de que os mais necessitados tenham condições de receber um valor de R$ 100,00, que vai possibilitar a compra de duas cestas básicas e meia por mês. Para tanto, a prefeitura vai disponibilizar R$ 200 mil por mês, e assim atender duas mil famílias de autônomos como faxineiras que neste período não estão podendo trabalhar, com renda de até três salários mínimos. Mas, através do Fundo da Defesa Civil, voltado aos casos de calamidade ou de pessoas em busca de ajuda, espera poder contar com doações para que mais seis mil famílias possam ser atendidas. “Para dar condições a um número maior de famílias que precisam do básico. A Prefeitura não está pedindo dinheiro”, deixou claro o prefeito. Afinal, segundo ele, para isso, seriam necessários mais R$ 600 mil por mês.

Economia
Quanto à área econômica, Gean anunciou que a administração municipal deverá implantar o Programa Juro Zero Especial, numa parceria entre o Banco do Empreendedor e a Secretaria da Fazenda, voltado aos microempreendedores individuais e às microempresas. Serão ampliadas carências, entre outras ações.

Ainda foi reforçado que a Prefeitura está buscando a aquisição de mais kits para testes. “Para a gente voltar à normalidade, é preciso fazer testes, testes e testes”, enfatizou, ao dizer que a ideia é fazer um trabalho conjunto com os demais prefeitos da região, com o intuito de que estes testes sejam realizados e, assim, gradativamente, 90% ou mais dos cidadãos possam ser liberados para voltar à atividade econômica. “Florianópolis está se preparando para deixar em isolamento só os idosos”.

Educação
Ainda na Live do prefeito e do secretário no Facebook, foi lembrado que está em funcionamento no site da Prefeitura – www.pmf.sc.gov.br – o Portal Educacional com uma série de atividades de ensino disponíveis para os estudantes em geral, e não apenas para os dos estabelecimentos municipais. São vídeo-aulas e visitações virtuais de museus, por exemplo.

Texto e foto/Secom/PMF


Fotos